Odebrecht menciona pagamento milionário a Lula

Marcelo Odebrecht, um dos delatores da Operação Lava Jato, disse em depoimento ao juiz federal Sérgio Moro que depositou R$ 40 milhões em uma conta bancária direcionada ao ex-presidente Lula, intermediada pelo ex-ministro Antônio Palocci.

“A gente botou R$ 40 milhões que viriam para atender demandas que viessem de Lula. Veja bem: o Lula nunca me pediu diretamente. Eu combinei via Palocci. Óbvio, ao longo dos usos, ficou claro que era realmente para o Lula.” – disse Odebrecht.

O depoimento foi prestado na última segunda (10), referente a ação penal da Operação Lava Jato envolvendo Palocci, o próprio Odebrecht e outros 13 réus. O sigilo dos interrogatórios foi retirado por Moro.

Durante o mesmo interrogatório Marcelo afirmou contribuir financeiramente com a campanha presidencial de 2010 do PT, e que movimentou R$ 50 milhões para esta.

Resposta do Instituto Lula

Em nota, o Instituto Lula diz que o ex-presidente jamais solicitou qualquer recurso indevido a Odebrecht ou qualquer outra empresa e agiu dentro da lei antes, durante e após os dois mandatos.

Segundo o mesmo, todas as doações a entidade, incluindo as da Odebrecht e de outras empresas foram feitas de acordo com as leis e devidos registros e notas fiscais que já foram fornecidas a Operação Lava Jato no fim de 2015.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s